segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

Uma experiência e um projecto de Natal

Em modo Natal que é assim uma coisa que a modos cansativa, em que os fins de semana nunca parecem chegar para as encomendas.
Ontem foi uma caminhada até ao Príncipe Real com o pretexto de ver as iluminações,, mas com a agenda secreta de ir experimentar o prego da peixaria. Sim também já lá fui. Sim o sitio é giro e o conceito engraçado. Não, não fiquei fã. É triste, eu sei, mas gosto mesmo é do meu prego de bifinho do lombo de carne açoreana.
Hoje foi dia de preguiçar até às 2h da tarde. Depois deu-me o pânico, tinha uma lasanha em modo industrial para fazer, mais as bolachinhas de natal para  a benjamim levar para  a escola como complemento olfacto-gustativo do trabalho sobre o natal. Um drama portanto.
Uma hora depois tinha 4 lasanhas num total de 2,600 gr, prontas para congelar. Só uma breve reflexão, que não se justifica deixar aqui a receita: Se gastei mais de 7 € para fazer 2,600 gr e só usei ingredientes de primeiríssima qualidade ( até a massa fresca era italiana…)  dá para imaginar o nível de uma lasanha que custa 3,99€ por kg…Não é preciso imaginar. No outro dia resolvi aldrabar o filhote-mor com uma dessas e fui corrida. Dai a premência de fazer HOJE lasanha caseira daquela que a mamã sabe fazer tão bem, a única que estas boquinhas exigentes conseguem comer. Bolas! habituei-os mal.
Segui para as bolachas que tinham de ser de amêndoa, rápidas e fáceis de fazer. E muitas!
A receita da Lume Brando pareceu-me bem. Potencial para brilhar sem muita mão-de-obra.
E assim foi. Não fosse uma leve falta de atenção ao forno. ( sou multitask mas não tanto e quando a minha a atenção é sugada pelos TPCs não sobra para mais nada). Ficaram muito torradas mas para a próxima correrá melhor. Hoje estou optimista, é o espirito natalício.




Bolachas de amêndoa

200 gr de farinha
130 gr de açúcar amarelo
100 gr de manteiga à temperatura ambiente
100 gr de amêndoa com pele ralada
1 ovo grande
1 pitada de canela

Processar tudo no robot como se fosse para fazer massa de tarte. ( Também dá uma massa excelente para fazer uma versão da Linzer Tart)
Deixar repousar um pouco e fazer bolinhas que se achatam ligeiramente.
Assam em forno a 200º cerca de 20 minutos